Enquete

  01) Conheço

  02) Gostaria de conhecer

  03) Nao conheço

Fechar
Enquetes anteriores

Poder Judiciário de Mato Grosso

Notícias

13.09.2018 17:26

SAI realiza 700 atendimentos em sete meses
Compartilhe
Tamanho do texto:
O Serviço de Atendimento Imediato (SAI) do Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT) registrou 700 atendimentos a acidentes de trânsito em Cuiabá e Várzea de janeiro até o mês de julho de 2018. Foram 353 acordos, ou seja, mais de 50% do total de atendimentos prestados. É importante salientar que o SAI não presta atendimento nos casos em que houver vítimas (lesão corporal ou morte) ou veículos oficiais e de órgãos públicos envolvidos.
 
De acordo com o relatório específico estatístico das atividades do SAI mês a mês, o maior número de casos acordados neste período foram feitos nos meses de abril, 55 acordos, junho também 55, e no mês de julho foi registrado o maior número, 101 acordos firmados.
 
Segundo o juiz responsável pelo SAI, Mário Roberto Kono de Oliveira, o trabalho do serviço que funciona desde 1996 em Cuiabá e Várzea, e tem como objetivo principal de promover a mediação entre as partes envolvidas em acidente sem vítimas. “Nosso trabalho visa levar de imediato o apoio do Judiciário, onde o profissional conciliador fala com os motoristas envolvidos, intermedia a situação e evita novas demandas ao Judiciário. Isso ainda traz benefícios para os envolvidos, pois evita deles terem que se deslocar para fazer um Boletim de Ocorrência (BO) e mesmo não tendo acordo, eles usam desse laudo feito pelo SAI para acionar a seguradora ou a parte”, explicou o juiz.
 
A ainda de acordo com o magistrado quando as partes chegam a um consenso, o acordo é encaminhado ao Juizado Especial para homologação, proporcionando um Título Executivo Judicial. O título poderá ser utilizado caso uma das partes não cumpra o combinado. Já quando não é possível alcançar o acordo, as partes já saem devidamente intimadas a comparecer na data e horário constantes da intimação para audiência de instrução e julgamento, no Juizado Especial.
 
Para a auxiliar de escritório Lurdes Soares de Azevedo, que solicitou o atendimento do SAI no último dia (5 de setembro), o serviço é rápido e agiliza o encaminhamento entre os envolvidos no acidente. “Desde o primeiro contato fui bem atendida. O serviço de mediação é muito importante. Mesmo no meu caso que foi um acidente entre um carro de passeio e um ônibus do transporte coletivo de Cuiabá, que não teve acordo devido à necessidade de uma avaliação da assessoria jurídica da empresa, o serviço do SAI foi muito proveitoso e me deixou muito tranquila e satisfeita”, disse Lurdes.
 
O motorista do ônibus, Fernandes de Oliveira, que se envolveu no acidente também elogiou o atendimento do SAI. ”Foi muito bom o serviço prestado, relatamos o que aconteceu e tivemos orientações de como proceder para fazer a ocorrência ali na hora é mais rápido e prático para resolver tudo”, concluiu satisfeito Fernandes.
 
De acordo com a conciliadora do SAI, Jaqueline Lima de Souza nem sempre as pessoas sabem como agir diante de um acidente de trânsito. Além da falta de informação, o nervosismo dificulta na tomada de decisões.” Por isso o trabalho do SAI, que atualmente conta com quatro unidades móveis e uma equipe de 16 conciliadores, que trabalham em três turnos, tem como principal o finalidade o acordo. Vamos até local para orientar e fazer a mediação além dos encaminhamentos necessários”, disse a conciliadora
 
Serviço:Para acionar o SAI é preciso ter em mãos o nome completo dos envolvidos, o endereço de onde ocorreu a batida, número de telefone das partes e as marcas, placas e cores dos carros. O serviço funciona de segunda à sexta-feira, das 7h às 22h, nos telefones (65) 9982-8282 e (65) 9982-8383. O serviço é gratuito.
 
Cleci Pavlack/Fotos: Tony Ribeiro (F5)
Coordenadoria de Comunicação do TJMT
imprensa@tjmt.jus.br
(65) 3617-3393/3394/3409