Enquete

  01) Conheço o papel do juiz leigo e acho muito importante;

  02) Gostaria de ter mais informações sobre o assunto;

  03) Ainda não conheço.

Fechar
Enquetes anteriores

Poder Judiciário de Mato Grosso

Notícias

08.08.2018 12:24

Reunião alinha ações e metas do Poder Judiciário
Compartilhe
Tamanho do texto:
A segunda Reunião de Análise Estratégica (RAE) de 2018 foi realizada na manhã desta terça-feira (7 de agosto), na Presidência do Tribunal de Justiça (TJMT) e tratou de diversos assuntos pertinentes ao aprimoramento da governança do Poder Judiciário de Mato Grosso. Desembargadores, juízes e servidores da Alta Administração do Tribunal puderam ver a real situação do andamento dos trabalhos e das metas alcançadas em cada setor, sempre com o objetivo da melhor entrega da prestação jurisdicional.
 
O presidente do TJ, desembargador Rui Ramos Ribeiro destacou que a administração segue com os setores unidos e imbuídos no modelo de governança baseado nos pilares de gestão de pessoas, processos e tecnologia. “O que buscamos é uma consistência para as ações desenvolvidas. Todos os magistrados e servidores têm trabalho muito para a entrega de bons resultados, porque é isso o que almejamos, e, naturalmente, um prestação jurisdicional condizente com o que o cidadão espera”, afirmou.
 
O coordenador de Planejamento do TJMT, Afonso Maciel explanou sobre temas relativos à taxa de congestionamento e os bons índices alcançados, tanto no Primeiro quanto no Segundo Grau, falou do cenário das metas nacionais estipuladas pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), além de assuntos específicos de alguns setores.
“A reunião serviu para vermos o alinhamento do Poder Judiciário, que estamos no caminho certo, da integração da nossa organização como um todo na persecução das metas. Parafraseando o poeta, um sonho que se sonha só é só um sonho, mas um sonho sonhado junto é realidade. E isso é realidade no judiciário mato-grossense”, enfatizou.
 
Também presente na reunião, a corregedora-geral da Justiça, desembargadora Maria Aparecida Ribeiro avaliou o encontro de forma positiva e disse que essas oportunidades servem para que haja o conhecimento sobre o resultado dos trabalhos desenvolvidos junto a Administração. “Ficamos felizes de ver que tudo o que nós propusemos no início está sendo executado e isso faz com que o Poder Judiciário cresça cada dia mais”, ressaltou.
 
O juiz auxiliar da presidência, João Thiago Guerra tratou sobre o Processo Judicial Eletrônico (PJe) e sua expansão por todo Estado. O magistrado falou que a ferramenta é uma realidade dentro do Poder Judiciário e que a Administração do Tribunal de Justiça e os desembargadores entendem a importância desse instrumento.
 
“A transformação já está acontecendo. Estamos às vésperas da implantação da versão 2.0 e esperamos que a partir disso nossos usuários tenham uma experiência mais confortável, mais agradável de uso da ferramenta. A participação da Corregedoria em todo esse processo tem sido determinante, com a elaboração dos fluxos, a padronização dos mandados. A gente tem essa sinergia. Essa priorização da implantação do PJe tem permitido os avanços e a entrega dos resultados para todos os usuários”.
 
Participaram da reunião os desembargadores Marilsen Andrade Addario, vice-presidente do TJMT; Maria Helena Gargaglione Póvoas, Rondon Bassil Dower Filho, Guiomar Teodoro Borges, Maria Erotides Kneip.
 
A RAE cumpre determinação da Resolução nº 198/2014 do CNJ que preve a elaboração e adequação pelos tribunais, dos seus respectivos planejamentos estratégicos ao Plano Estratégico Nacional, bem como a obrigatoriedade do acompanhamento e avaliação dos resultados.
 
Leia mais sobre o assunto:
 
Presidente do TJMT avalia ações e alinha projetos
Magistrados conhecem perspectivas para PJMT
 
Dani Cunha/Fotos: Otmar de Oliveira (F5)
Coordenadoria de Comunicação do TJMT
imprensa@tjmt.jus.br
(65) 3617-3393/3394/3409